Como usar maquiagem e lente de contato?

16 janeiro, 2019     Nenhum comentário     tech_4dmin

Quem usa maquiagem sabe o quanto esse recurso melhora a autoestima, deixando a pele mais bonita, uniforme e marcante. Ela realça o que é belo e disfarça as imperfeições.

Sabemos que existem situações em que a substituição dos óculos pela lente de contato é inevitável, principalmente em eventos mais elegantes. No entanto, existem mulheres que ainda costumam abrir mão da maquiagem por receio de irritar os olhos e prejudicar a visão.

Temos uma boa notícia: é possível ter um visual bonito sem deixar de lado a segurança da saúde ocular. Lentes de contato e maquiagem não só combinam como, também, podem ser aliadas nessa transformação.

Para um resultado final positivo, é preciso que você siga algumas recomendações.

O que vem primeiro: a maquiagem ou as lentes?

É comum surgir esse tipo dúvida na preparação do rosto; então, saiba que as lentes devem ser colocadas primeiro, já que a face precisa estar sem nenhum vestígio de maquiagem nessa hora.

Dessa forma, é possível manusear as lentes de forma mais segura, garantindo que a superfície dos olhos fique limpa e sem contato com produtos que possam causar irritação ou coceira.

A aplicação antecipada da maquiagem faz com que a lente espalhe, por todo olho, os resquícios de pó e demais produtos. Mas, se o processo for feito corretamente, toda sujeira que ficar sobre elas costuma sair com algumas piscadas.

Faça uma boa higienização

As mãos precisam estar bem lavadas e desinfetadas para manipular a lente de contato.

Além disso, faça uma boa higienização no rosto, utilizando produtos específicos para a área da pálpebra. O mais importante é limpar bem a pele e remover oleosidade e impurezas.

Uma dica importante é evitar produtos de limpeza à base de óleo, pois eles podem se acumular na borda da pálpebra e danificar as lentes de contato.

Remova a lente de contato antes da maquiagem

Para reduzir o risco de sujar e danificar as lentes, o ideal é removê-las antes de retirar a maquiagem. Acontece que, no momento da limpeza, os produtos acabam derretendo e escorrendo para os olhos, o que pode causar algum tipo de irritação. Então, tire as lentes, lave-as como de costume e, depois, inicie o processo de limpeza da pele para a remoção da maquiagem.

Priorize produtos hipoalergênicos

Produtos hipoalergênicos são produzidos a partir de substâncias naturais, cujos compostos oferecem menor risco de reações alérgicas ou inflamatórias, que podem ser potencializadas com o uso das lentes.

Evite lápis e delineador na pálpebra inferior

Quem usa lente de contato deve evitar o uso de lápis ou delineador na pálpebra inferior. Essa região acumula resíduos nos olhos o que pode causar irritação e coceira.

Evite maquiagens à prova d água

Maquiagens à prova d´água são difíceis de se retirar e, geralmente, necessitam de produtos oleosos para a sua remoção. Por isso, não são recomendadas para quem utiliza lentes de contato.

O ideal são produtos resistentes à água, mas, em linhas gerais, fáceis de demaquilar.

Não compartilhe seus produtos

Maquiagens e pincéis são de uso pessoal. Portanto, você jamais deve compartilhá-los com outras pessoas.

O mau hábito em emprestar esses itens e acessórios pode causar doenças na região dos olhos, como coceira e conjuntivite, além de problemas de irritação na pele.

Higienize os acessórios de maquiagem

Pincéis, escovinhas, esponjas e demais itens devem ser limpos pelo menos uma vez por semana, a fim de evitar a proliferação de bactérias.

Além disso, eles devem ser trocados a cada três meses, para reduzir o risco de inflamações das pálpebras.

Um ponto importante em relação à maquiagem é o fato de um possível contato com o olho ou a lente. Caso isso ocorra, retire a lente, faça a limpeza dela com a solução e aplique colírio lubrificante nos olhos. Feito isso, insira a lente novamente no e olho e recomece a maquiagem.

Se seus olhos ou pálpebras estiverem inchados, irritados ou com o menor sinal de alergia, não use a lente de contato – e muito menos a maquiagem. Nesse caso, procure um oftalmologista para avaliação e tratamento.

 

 

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 + 12 =

Cadastre-se em nossa newsletter