Cuidados com os olhos na era da luz azul

19 março, 2022     Nenhum comentário     tech_4dmin

Você passa muito tempo no celular, computador ou outro dispositivo? Em tempos de inovação digital, é impossível não se render à tecnologia, até porque quase tudo é realizado por meio dela.

No entanto, dispositivos eletrônicos emitem a chamada luz azul. Ela é capaz de causar doenças oculares que vão desde ressecamento e cansaço visual até problemas na retina, como degeneração macular relacionada à idade.

O que é a luz azul?

A luz azul faz parte da luz visível responsável pela claridade. Emitida naturalmente pelo sol ou por eletrônicos, como celulares, computadores e lâmpadas, têm o comprimento de onda curto e muita energia.

Por possuir excesso de luz nas faixas ultravioletas e azul, ela propaga uma radiação que se acumula na retina, causando danos no olho humano. Além de causar inflamação da conjuntiva e da córnea, ela pode provocar lesões no cristalino e na retina.

A maior preocupação dos oftalmologistas está justamente na proximidade dos dispositivos eletrônicos com os olhos. Como a distância é curta, os efeitos da luz azul ao longo do tempo podem ser devastadores.

É verdade que os serviços digitais estão mudando a nossa visão, aumentando a propensão de, cada vez mais cedo, as pessoas terem que usar óculos e colírios para lubrificar os olhos.

Como proteger os olhos da luz azul

O acesso a produtos eletrônicos aumentou muito nos últimos anos, se acentuando no período da pandemia. Afinal, o home office trouxe não só comodidade e proteção contra o coronavírus, mas, também, o excesso de trabalho, já que as pessoas passaram a ficar à frente do computador bem mais que oito horas diárias.

A boa notícia é que existem recursos para proteger os olhos da luz azul e, assim, ter um maior conforto e qualidade visual.

Diminua o tempo de utilização de computador e outros eletrônicos

Deixar de utilizar aparelhos computadores e aparelhos eletrônicos é praticamente improvável em pleno avanço tecnológico. No entanto, é possível diminuir a utilização dos dispositivos: a cada 20 minutos no celular, dê dois minutos de descanso para os olhos.

Utilize filtros bloqueadores de luz azul para dispositivos eletrônicos

A utilização dos bloqueadores de luz azul já é uma tendência em celulares, tablets e computadores. Disponível tanto como função nativa dos sistemas operacionais quanto por aplicativos, os filtros tornam o uso dos dispositivos menos prejudicial para os usuários.

Uso de óculos bloqueadores de luz azul

Os óculos bloqueadores são feitos para filtrar os raios de luz azul, comumente emitidos por telas digitais. Ele apresenta uma tecnologia diferenciada que faz a filtragem da luz digital, evitando que grande parte dos raios nocivos emitidos por celulares e computadores atinjam os olhos.

Pisque várias vezes

A alta exposição à luz digital pode ressecar os olhos e dar aquela sensação de ardência. Recomenda-se piscar várias vezes durante o dia para lubrificar a região ocular.

O ato de abrir e fechar os olhos rapidamente também elimina corpos estranhos, distribui e mantém o filme lacrimal, contribuindo para a integridade da córnea e da conjuntiva.

Além das recomendações citadas nessa postagem, é imprescindível buscar orientação médica, para que o oftalmologista faça uma avaliação mais completa do seu sistema ocular, prescrevendo o tratamento adequado para cada caso.

Aqui no COA (Centro de Oftalmologia Avançada) você encontra profissionais preparados para cuidar com eficácia da saúde dos seus olhos. Entre em contato com a gente e marque sua consulta!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × dois =

Cadastre-se em nossa newsletter