É possível reverter a miopia com exercícios oculares?

02 abril, 2022     Nenhum comentário     tech_4dmin

Quando o assunto é miopia, todo mundo tem um conselho ou exercício ocular que é tiro e queda para o problema. Em tempos de internet, então, há sempre um canal que revela todas as técnicas para reverter todos os tipos de doenças, inclusive as visuais.

Por quase um século, exercícios para os olhos foram amplamente promovidos com o objetivo de fortalecer a musculatura ocular e melhorar a miopia.

Resumidamente, tais práticas incluem exercícios de coordenação que movimentam dedos, mãos e foco de luz em direção aos olhos. Os responsáveis pela divulgação da técnica afirmam que ela é capaz de reduzir a necessidade de óculos e até as deficiências de aprendizado.

Mas será que, para a miopia, isso funciona?

A miopia é um erro do globo ocular em que o indivíduo apresenta dificuldade de ver objetos à distância. Pacientes com esse tipo de problema veem tudo que está mais longe de forma turva e mais embaçada. É comum semicerrar os olhos para que a visão fique mais nítida, sendo esse o primeiro sintoma da doença.

Geralmente ela costuma se manifestar em crianças em fase escolar, por não conseguirem enxergar o quadro ou fazer qualquer tipo de leitura. Nesse caso, a miopia prejudica o aluno nas provas e no aprendizado em geral.

Com o passar do tempo, a refração tende a aumentar, sendo necessário o uso constante de lentes corretivas – por isso a importância de visitar o oftalmologista pelo menos uma vez ao ano.

Qual a função dos exercícios oculares na reversão da miopia?

A resposta curta e grossa: nenhuma.

Os exercícios para os olhos são constantemente divulgados pela internet como uma técnica eficaz para reverter a miopia. No entanto, eles não encontram respaldo na comunidade de médicos oftalmologistas. Existe pouca evidência com relação a essa terapia e, assim, podemos afirmar que ela não funciona para esse caso.

Até o momento, não temos estudos que comprovem ou apoiem a eficácia da ideia de que exercícios desaceleram a miopia ou reduzem seus sintomas. Nesse sentido, essa prática não é capaz de mudar os formatos dos olhos ou aumentar a sensibilidade da visão no caso de erros de refração.

Talvez o paciente até sinta algum conforto, mas é momentâneo e nada influencia na reversão da miopia.  Contudo, casos bem leves de estrabismo e alterações da convergência ocular são tratados com exercícios ortópticos.

O que são exercícios ortópticos?

Essa é uma técnica de tratamento para pessoas que apresentam distúrbios de visão binocular, estrabismos adquiridos e problemas acomodativos durante as leituras. Funciona como uma fisioterapia oftalmológica que trabalha a relação da visão e o equilíbrio postural, estimulando o globo ocular e exercícios realizados em clínica associada aos feitos pelo paciente em casa.

Exercícios ortópticos são indicados em casos de:

Estrabismo

Exercícios ortópticos são parte do tratamento oftalmológico, juntamente com óculos e colírios. Com a ajuda de um fisioterapeuta ocular, a prática tem o objetivo de melhorar a coordenação dos músculos e ajuste do foco.

Em casos graves, a cirurgia é a melhor indicação. Porém, os exercícios podem ser indicados no pós-operatório.

Insuficiência de convergência

Essa condição ocorre quando os dois olhos atuam de forma descoordenada, principalmente quando há esforço da vista para enxergar de perto. Isso faz com que o paciente tenha visão dupla, fadiga ocular e vista cansada.

Quando indicado pelo oftalmologista, os exercícios oculares ajudam a treinar a vista, fazendo com que o indivíduo foque nos objetos de forma coordenada.

Vista cansada

Após um dia de trabalho e horas a fio em frente ao computador é comum que a visão fique embaçada, e os olhos secos, como se tivessem areia. A fisioterapia ocular, em casos mais simples, pode ajudar no fortalecimento da visão e reduzir a sensação de cansaço.

Diante disso, não se deixe enganar por tudo que lê na internet, principalmente em situações relacionadas à saúde ocular. No caso da miopia, a cirurgia a laser e os implantes de lente intraoculares são os únicos métodos para correção definitiva da condição.

Aqui no COA fazemos a nossa parte, que é cuidar da sua visão. Temos um corpo médico preparado para atender os pacientes nas mais diversas áreas oftalmológicas, além de uma infraestrutura moderna que permite exames em aparelhos avançados.

Marque uma consulta com a gente!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 + cinco =

Cadastre-se em nossa newsletter